Destaques

5 de agosto de 2019

Vídeo do “Encontro da Articulação Bahia – Minas Gerais em Defesa do Rio Pardo”

No ano de 2015 no município de Canavieiras foi feito o primeiro momento para articulação Bahia – Minas em defesa das águas do Rio Pardo, realizado na sede da AMEX – Associação Mãe dos Extrativistas de Canavieiras, nesse encontro foi traçados objetivos comuns para a defesa e mobilização na Bacia do Rio Pardo.
5 de agosto de 2019

Estudo Socioambiental da Bacia do Rio Pardo

Pesquisa expõe as consequências da irrigação, desmatamento e das monoculturas (café e eucaliptos) para a crise hídrica no vale do Rio Pardo Resumo Resultado de pesquisa realizada pelo Centro de Estudos e Ação Social, o presente relatório expõe, de forma direta, sem maiores análises, os resultados da investigação realizada por seus autores a respeito da problemática socioambiental na bacia hidrográfica do rio Pardo, especialmente em suas porções média, no sudoeste da Bahia, e alta, no norte de Minas Gerais. De Porto de Santa Cruz, em Cândido Sales, até desaguar em Canavieiras, o rio Pardo percorre 345 km em terras baianas, do seu trajeto total de 565 km. É verdade que, a cada período, com menos água. Não por causa exclusiva da redução das chuvas. Mas, porque agora suas águas têm […]
5 de agosto de 2019

Rio Pardo, rio marcado para morrer

Documentário (1990) dirigido por Melquezedech (Vitória da Conquista – Bahia)

Últimas Postagens

30 de setembro de 2020

Romaria do Areião

No extremo norte do Estado de Minas Gerais, a Serra do Espinhaço atravessa a região e adentra pelo Estado da Bahia. Em suas altas chapadas e topos de morro predominam os cerrados e campos rupestres, ambientes que fazem contato com regiões de caatinga e mata atlântica. Pois aí vive um povo tradicional conhecido regionalmente como Geraizeiro cujo modo de vida está assentado no cultivo de pequenos roças extremamente diversificadas associadas com a coleta de frutos, plantas medicinais, flores silvestres e a criação de animais em áreas comunais. Os Geraizeiros que vivem entre os municípios de Rio Pardo de Minas, Montezuma e Vargem Grande do Rio Pardo travam uma luta que já dura mais de 30 anos contra o avanço das monoculturas de eucalipto e, agora, contra a mineração que ameaça […]
29 de setembro de 2020

As Consequências da Privatização das Águas e do Saneamento em Nosso Território

A Articulação da Bacia do Rio Pardo promoveu na semana do cerrado, no dia 10/09, o “Seminário Virtual Sobre as Consequências da Privatização das Águas e do Saneamento em Nosso Território”. O debate girou em torno da lei de privatização das águas, que na prática vai contra os ideais defendidos da água como bem comum e desconsidera as práticas agroecológicas realizadas pelos diversos povos que vivem nesta bacia, além do risco de abrir margem para atividades econômicas e políticas públicas inadequadas que possam impactar negativamente o Rio Pardo, seus afluentes e toda sociobiodiversidde de nossos territórios. A Articulação do Rio Pardo (BA-MG) reúne grupos sociais populares no campo e na cidade para defender a água e os bens de uso comuns na Bacia do Rio Pardo. Está organizada, desde sua nascente […]
25 de agosto de 2020

Dez Respostas a Dez Mentiras

Documento Informativo do Movimento Mundial pelas Florestas Tropicais, trás Dez Respostas para Dez Mentiras Sobre a Plantação Comercial de Especie Exótica. As plantações em grande escala de espécies de rápido crescimento, como eucaliptos e pinheiros, são as que produzem maiores impactos negativos, tanto a nível social quanto ambiental. Devido a tais impactos, esse tipo de plantação tem dado lugar a lutas generalizadas em contra. A resposta das empresas plantadoras e dos promotores que impulsam esse modelo consiste em negar a ocorrência desses impactos e em elaborar e divulgar uma enganosa propaganda destinada a obter o apoio dos setores desinformados da população. Entre as muitas falsidades espalhadas, favoráveis às monoculturas florestais em grande escala, encontram-se as seguintes 10:
11 de março de 2020

Representante da articulação em defesa do Rio Pardo concede entrevista à rádio comunitária em Cândido Sales-BA

Membro da articulação Bahia e Minas Gerais em Defesa do Rio Pardo, Welinton Rodrigues levou esclarecimentos à população do município de Cândido Sales sobre a situação atual da bacia hidrográfica através da rádio comunitária do município. A entrevista aconteceu na terça-feira 10/03 e na oportunidade o representante da sociedade civil explicou como funciona a articulação, os avanços obtidos nas discussões sobre o Rio Pardo, objetivos e os principais desafios que estão postos, entre eles a baixa consciência ambiental dos municípios envolvidos, o desmatamento e o uso irracional dos recursos hídricos pelos grandes irrigantes. Também foi abordado sobre a dinâmica e a metodologia dos trabalhos da articulação no Alto, Médio e Baixo Rio Pardo e sobre o importante papel que exerce cada entidade envolvida e seus representantes, foi mencionado sobre a […]
9 de março de 2020

Em dia de Campo a Comunidade Cachoeira em Ribeirão do Largo cerca nascente.

Nos dias 06 e 07 de Março, a comunidade Cachoeira se juntou para tratar da soberania alimentar e hídrica, contando com a participação do MPA, na pessoa de Adenilson. Em prol do cercamento de uma das varias nascentes de relevância para comunidade,o Projeto Água como Bem Comum – ABC, que integra mulheres e jovens da comunidade, fizeram a sensibilização e o gesto concreto de iniciar o cercamento das nascentes da comunidade que se encontram desprotegidas,nesse mesmo dia o grupo plantou mais de cinquenta mudas de ingazeiras, abacateiros entre outras. Com a força comunitária foi possível em uma manhã fazer 250 m de cerca para a proteção da nascente. E assim foi comemorado o Dia Internacional das Mulheres.
3 de março de 2020

Jovens da comunidade Cachoeira em Ribeirão do Largo mapeiam nascentes

A comunidade rural fica no município baiano de Ribeirão do Largo, e segundo os moradores mais antigos o povoado foi formado inicialmente por mineiros nordestinos que fugiam da seca. Na comunidade existe o Grupo de Mulheres que trabalham em defesa do Rio Pardo e seus afluentes, tendo a agroecologia como principal bandeira. O grupo de mulheres além de defender o Território através de práticas sustentáveis de produção de alimentos faz trabalho permanente de conscientização e defesa do Rio Pardo, através de visitas e mapeamentos de nascentes dos afluentes e busca identificar a causa do sumiço da água na região. A pecuária extensiva é apontada como fator de ameaça aos recursos hídricos da região e o uso de insumos químicos para o manejo do pasto contamina a água. Depois de mapear […]
 

"Favorecer o protagonismo das comunidades rurais e urbanas, reunindo e disponibilizando informações, dados, estudos técnicos e acadêmicos sobre a água na Bacia Hidrográfica do Rio Pardo... essa é a nossa missão."

Bacia do Rio Pardo

Rio Pardo

O Pardo é um rio federal que percorre uma extensão de 565 km, sendo 220 km no território mineiro, da nascente, no município de Rio Pardo de Minas, a cerca de 750 m de altitude, até a foz em Canavieiras, no estado da Bahia, quando deságua no Oceano Atlântico, a 18 km acima da foz do Rio Jequitinhonha.

Sua História

O Rio, que no período colonial era chamado de Santo Antônio, foi um dos cenários mais representativos do avanço da ocupação portuguesa sobre o sertão, constituindo-se em um dos pontos de encontro entre culturas tão distintas (nativos e colonizadores).

Contribua com o PROJETO

Se você tem interesse em apoiar e colaborar com o trabalho social e político do Observatório do Rio Pardo, entre em contato conosco.
Saiba como participar, fazer doações e tire outras dúvidas


Parceiros